A vazão do seu poço está caindo de repente? Cuidado!

Estar em sinergia com os indicadores de seu poço pode lhe trazer enormes benefícios.

Veja agora um caso clássico de patologia que encontramos em poços artesianos, que é a queda da vazão.

Quando não monitorado constantemente somente será percebido em um momento próximo ao colapso do sistema. A queda da vazão pode ocorrer de forma gradual ou, em casos de água mais agressiva, pode ocorrer em um curto espaço de tempo.

Encontramos um poço em que, ao partir a bomba, tudo ocorria dentro da normalidade, exceto pelo fato de não sair água do poço.

Analisamos o painel elétrico, o qual não apresentava qualquer erro no momento da partida e nem mesmo durante o momento em que o motor estava acionado. Analisamos os níveis estático e dinâmico do poço o qual notamos uma pequena variação do nível estático para o nível dinâmico no momento da partida do poço. Analisamos o hidrômetro instalado onde verificamos que não havia a passagem de água.

Partimos então para a ação de retirada do conjunto motobomba e constatamos assim a suspeita inicial de furos na tubulação edutora.

Dependendo do estado de corrosão do tubo edutor, poderia ainda ter ocorrido o rompimento da tubulação e por consequencia a queda do equipamento de bombeamento no interior do poço.

Pequenos orifícios na tubulação edutora geram jatos constantes e contínuos no tubo de revestimento do poço, o que pode vir a romper o tubo de revestimento do poço, causando prejuízos catastróficos.

Não fique sujeito a riscos desnecessários, faça o monitoramento remoto de seus poços e identifique problemas com a antecedência necessária para evitar estes prejuízos astronômicos.

Nossa solução envolve um sistema on-line para o armazenamento dos dados, controle e emissão de relatórios (Hidroview) e a Central de Monitoramento (Hidrohub).

Contrate nossos serviços e conte com a comodidade de se administrar as informações de nível, vazão e outros, gerando gráficos e relatórios diários, mensais e anuais a um clique de distância.

Em meu blog você encontra mais informações sobre este e outros assuntos.

Para entrar em contato comigo ou esclarecer mais duvidas clique aqui.

Espero poder ajudar mais! Um abraço.

Eng. Fernando Mancini de Oliveira

Tags